Seguidores

Follow by Email

sábado, 2 de julho de 2011

De olhos fechados

de olhos fechados meu sonhos são reais
de olhos fechados você estar aqui
de olhos fechados eu não preciso fingir e mentir
de olhos fechados eu converso com meu coração e escuto a minha alma
de olhos fechados eu posso gritar eu posso sentir 
o verdadeiro gosto do seus lábios
o cheiro verdadeiro das flores e mesmo sem ver saber que pelo cheiro é belo
de olhos fechados eu sinto e é só do que eu preciso pra adormecer 
ser carregada para o seus sonhos e lá ficar até o dia nascer

Nenhum comentário:

Postar um comentário